25 de março de 2013

BASE-V GRAPHICS - BRASIL



 BASE-V é um grupo de artistas de São Paulo, formado por Danilo Oliveira, David Magila e Zansky. O grupo valoriza o trabalho coletivo acima da individualidade, para criar novas formas de comunicação artística.
BASE-V é um grupo de artistas de São Paulo que atua desde 2002. Atualmente é formado por Zansky, Danilo Oliveira e David Magila. Trabalham a partir da experimentação livre e improvisação.

Produz em diferentes linguagens, de publicações artesanais à instalações gráficas, misturando técnicas e materiais. O grupo valoriza o trabalho coletivo acima da individualidade, para criar novas formas de comunicação artística. Durante a execução dos trabalhos, habilidades individuais perdem sua importância, o que cria uma nova abordagem, livre das questões autorais. O resultado final, então, adquire uma identidade nova. A massa revela uma grande variedade de texturas, harmonias, timbres e materiais, onde cada integrante do grupo deixa seu rastro e o próximo o mostra (ou deleta) dentro de um novo universo de referências. Base-V busca influir no processo de disponibilização das artes visuais ao público, tornando-as mais acessíveis em todos os âmbitos, através de ações que valorizam a produção artística trazida para a esfera pública, por exemplo com a produção de livros e murais.
Principais exposições incluem as coletivas: RojoNOVA no MIS (Museu da Imagem e do Som), Do Papel ao Pixel na Galeria Marta Traba (Memorial da América Latina), TRANSFER no Pavilhão das Culturas Brasileiras (Pq. do Ibirapuera) e a mostra individual: Basado en Hechos Reales na galeria Hollywood in Cambodia (Buenos Aires).
Participaram de publicações como: ”Latino Grafico – Visual Culture from Latin America”, Die Gestalten Verlag, Alemanha, 2010; ”Screenprint Basics – A Complete How To Handbook”, Gingko Press, EUA, 2010; ”Stuffz – Design on Materials”, Gingko Press, EUA, 2009, entre outros.


Príncipe Ricardo levou até as toalhas #035"
20 x 20cm  acrílica e decalque s/ tela 2012
Coleção particular



Príncipe Ricardo levou até as toalhas #118"
25 x 25 cm acrílica, spray e decalque s/ tela  2012
Coleção particular



Príncipe Ricardo levou até as toalhas #191"
24 x 18 cm acrílica, spray e decalque s/ tela 2012
Coleção particular



"Príncipe Ricardo levou até as toalhas #166"
24 x 18 cm acrílica, spray e decalque s/ tela  2012
Coleção particular




"Príncipe Ricardo levou até as toalhas #051"
30 x 20cm acrílica, spray e decalque s/ tela 2012
Coleção particular



Príncipe Ricardo levou até as toalhas #197"
30 x 30 cm acrílica, spray e decalque s/ tela 2012
Coleção particular




Príncipe Ricardo levou até as toalhas #114"
30 x 30cm acrílica, spray e decalque s/ tela 2012
Coleção particular




"Príncipe Ricardo levou até as toalhas #084"
20 x 20cm acrílica, spray e decalque s/ tela 2012
Coleção particular



Príncipe Ricardo levou até as toalhas #152"
15 x 15cm acrílica, spray e decalque s/ tela 2012
Coleção particular





Príncipe Ricardo levou até as toalhas #126"
30 x 30 cm  acrílica, spray e decalque s/ tela 2012
Coleção particular



"Príncipe Ricardo levou até as toalhas #139"
17 x 17cm acrílica, spray e decalque s/ tela 2012
Coleção particular





Príncipe Ricardo levou até as toalhas #125"
30 x 30 cm  acrílica, spray e decalque s/ tela  2012
Coleção particular





Príncipe Ricardo levou até as toalhas #065"
24 x 18 cm acrílica, spray e decalque s/ tela 2012
Coleção particular





Príncipe Ricardo levou até as toalhas #034"
20 x 20cm  acrílica, spray e decalque s/ tela  2012
Coleção particular




"Príncipe Ricardo levou até as toalhas #077"
20 x 20cm acrílica, spray e decalque s/ tela 2012
Coleção particular




Príncipe Ricardo levou até as toalhas #143"
17 x 17cm acrílica, spray e decalque s/ tela 2012
Coleção particular





Príncipe Ricardo levou até as toalhas #205"
24 x 18 cm acrílica, spray e decalque s/ tela 2012
Coleção particular




Príncipe Ricardo levou até as toalhas #150"
30 x 20cm acrílica, spray e decalque s/ tela 2012
Coleção particular





Pele

A pele é o nosso órgão de contato com o mundo, é onde fisicamente sentimos as pressões físicas diretas do ambiente. É interessante notar que a pele e suas camadas em visão ampliada, nos lembram uma paisagem, muito similar à um bosque ou uma floresta. A similaridade de nosso corpo com o próprio mundo em que vivemos, retratada em uma escala gigante em um mural, pretende aflorar nas pessoas uma maior percepção visual e poética de nossa ligação com o mundo ao redor. Mural realizado para a Mostra Sesc Cariri de Culturas, na cidade do Crato, Ceará.




Volumes

Pintura mural para ambientação da biblioteca do Sesc Santo André. Ano 2012.





Modo de Preparo

Duas mulheres preparam algo. Não sabemos se é bom ou ruim, nem ao menos se é comestível – mas sabemos que os ingredientes são muitos. Mural realizado no Sesc Consolação. Ano 2012.







O Gato que toma

Um gato gigantesco bebe nas águas da cidade, enquanto um cachorro o observa impassível, na outra margem do rio. Pouco pode-se fazer quanto a isso e a cidade permanece imóvel. Murais realizados no Sesc Pinheiros nas paredes de entrada e escadas. Ano 2012. 






virada cultural 2012

Mural realizado no Museu de Energia de São Paulo durante a Virada Cultural. Ano 2012.









A Estrada dos Tijolos Dourados

A Estrada de Tijolos Dourados remete ao clássico O Mágico de OZ e simboliza um caminho a ser escolhido, uma alteração na paisagem que estimule a circulação das pessoas. Realizado durante o Circuito Sesc de Artes 2011 em 13 cidades diferentes. Em cada praça da cidade foi “construída” uma estrada específica para cada local. A técnica utilizada foi a do lambe-lambe (cada tijolo de papel foi colado um a um). Em alguns locais também foi possível intervir com cores em pedras, escadas,etc



  

  

Coisas de Garagem

Mural realizado no foier do teatro do Sesc Santana. São desenhos de coisas que podemos encontrar numa garagem pintados em 3 camadas como nos processos de impressão em cromia. Ano 2011.

  




Lobo em Pele de Cordeiro

Mural realizado no Beco do Aprendiz em São Paulo como parte do projeto de renovação das pinturas deste espaço. Coordenado por Pato. Ano 2010.



  



Rojo Nova – MIS

“Amarelovermelhoazulipreto”, mural com cerca de 60 x 4m realizado durante a mostra Rojo Nova 2010 no MIS (Museu da Imagem e Som) em São Paulo. Pintura livre em quatro 4 camadas de cor.










Exposição Graphias, do papel ao pixel

“Imagem meramente ilustrativa”, mural de cerca de 7 x 4m em carvão e tinta óleo que fez parte da exposição Graphias: do Papel ao Pixel, realizado no Memorial da América Latina entre dezembro de 2010 e janeiro de 2011.


Mural feito livremente no bairro do Ipiranga em São Paulo. Ano 2009. 

1º Festival do Cubismo

Instalação realizada na Galeria Melissa – São Paulo, com cerca de 120 cubos pintados à mão. Ano 2007.
  

Incandescência

Pintura mural. 8 x 3 m e 4 x 3 m realizada no foier do teatro do Sesc Santana, São Paulo. Ano 2007.

Cachalote

Pintura e colagem mural, Sesc Ipiranga, São Paulo. 25 x 4 m. Ano 2006.

  

Todos menos um

O pássaro mais bicudo observa ao longe. A paisagem se forma com o resto da fauna. Todos os pássaros parecem uma só forma, o espaço se amplia e marca o horizonte. Impressão digital sobre adesivo aplicado na fachada do Sesc Santana. Ano 2012.


Multiplo – Arte Reprodutível

Em julho de 2010, o Base-V começou uma nova empreitada nas artes gráficas. A Multiplo: Arte Reprodutível, é um loja/galeria, onde estão expostos e à venda, exemplares de arte em série, principalmente em papel. São serigrafias, gravuras, stencils, livros de artista, fanzines entre outras formas de publicação artística, produzidas por diferentes artistas de diversos lugares do mundo.
Desde o início do grupo fazemos nossas edições caseiras, de pequenos livros e gravuras, até edições mais especiais como nosso Box de serigrafias, em geral em pequenas tiragens. O interesse nessas linguagens está justamente em criar trabalhos que sejam pensados para o formato reprodutível, que todas as “cópias” sejam originais, pois o trabalho só existirá naquele formato.
A idéia é tornar mais possível que uma pessoa compre um trabalho de arte mesmo que não seja um colecionador profissional. Esse projeto somente é possível graças ao apoio do Espaço Ã, que nos convidou a ocupar os espaços onde funcionam hoje as duas unidades da loja, na Vila Madalena e no Ipiranga.




  



Internet Livre Taubaté

Ambientação da sala “Internet Livre” do Sesc Taubaté – interior de São Paulo.




  






C&A interpreta Dior

Pintura ao vivo para C&A realizada durante o São Paulo Fashion Week 2010. Nesta edição o tema era o ano da França no Brasil, e assim foi produzida uma interepretação do trabalho do estilista Dior.







Flutuante – Paste

Skin para notebooks, celulares e tablets para a Paste.












Páscoa Melissa

Instalação feita com coelhos de plástico coloridos para Páscoa na galeria Melissa em São Paulo. 2008.







Tem de Tudo – Iskin Brasil

Skin de celular e notebook para a Iskin Brasil. Ano 2008.






FFW Mag! – São Paulo

Ilustrações para a revista FFW Mag! #7. Ano 2008.













Mostra “XXL”

“Não aprendeu nada e esqueceu a metade.” Tela de 150 x 180 cm que integrou a exposição coletiva de grandes formatos “XXL” realizada em Buenos Aires pela Turbo Galeria em novembro de 2011. Acrílica, carvão, spray e marcador s/ tela.








Coletiva Choque 2011

Trabalhos que integraram a mostra “Coletiva Choque Cultural 2011″ na galeria Choque Cultural em São Paulo. Foram apresentadas 2 telas em técnica mista e um mural.
Rudy pode falhar” – técnica mista (acrílica, spray, marcador e carvão) sobre tela – 150cm x 100cm.
Mude sempre seu jogo se estiver perdendo” – técnica mista (acrílica, spray, marcador e carvão) sobre tela – 120cm x 100cm.


Quero ver outra vez seus olhinhos de noite serena” – Mural – aprox. 5m x 4m

Transfer SP

Trabalhos em técnica mista (tinta de marcador, ecoline, spray e serigrafia) sobre papel. Fizeram parte da exposição coletiva “Transfer” realizada no Pavilhão das Culturas Brasileiras – Parque do Ibirapuera – São Paulo. Dimensões 101cm x 66cm. Ano 2010.
À esquerda: “Existe uma grande diferença entre ajoelhar-se e curvar-se” e à direita: “Onde foi parar toda a diversão deste mundo?”










Sublime – Emma Thomas

Dívida de jogo”, pintura mural que fez parte da coletiva “Sublime” na galeria Emma Thomas em São Paulo. 2008.






Basado En Hechos Reales

Exposição individual realizada na galeria Hollywood in Cambodia de Buenos Aires – Argentina. 2007.












Mostra “Desfase: Segundo Asalto”

“Verônica”. colagem e desenho mural, parte da mostra de arte urbana em Bogotá, Colômbia. 6,5 x 3 m. Ano 2006.




Uboya

Serigrafia em 1 cor sobre papel 180g – 21cm x 27cm. Tiragem de 20 cópias. An0 2010.



Ativo desde 2002
Origem: São paulo – SP
Danilo Oliveira + David Magila + Rafael Coutinho + Anderson Zansky + Sylvia Maria Vos + Ricardo Ruiz + Luis Ravagnani
A BaseV é um coletivo aberto de experimentação gráfica, onde participam designers e artistas que pesquisam recursos visuais e estéticos em suportes tecnológicos propondo um novo grafismo, para circulação em todos os espaços possíveis e que possam ser criados. Como as ruas de São Paulo, que começam a sofrer intervenções através de colagens, pôsteres, desenhos, placas.
Actif depuis 2002 Origine: São paulo SP Danilo Oliveira + David Magila + Rafael Coutinho + Anderson Zansky + Sylvia Maria Vos + Ricardo Ruiz + Luis Ravagnani Base V est un collectif ouvert d’expérimentation graphique intégré par designers et artistes qui recherchent des ressources visuelles et esthétiques sur des supports technologiques, tout en proposant un nouveau graphisme, en vue de la circulation dans tout espace possible ou pouvant être crée. Tels que les rues de São Paulo qui commencent à recevoir des interventions à travers des collages, affichages, dessins et panneaux.


Dias de glória"
óleo e carvão sobre tela 100cm x 100cm 2012
Coleção particular



Quartinho de ilusão"
óleo, carvão e spray sobre tela  100cm x 100cm 2012



Não sei o quê, Alves"
óleo, carvão e spray sobre tela  180cm x 150cm   2012
Coleção particular



Caminho para o sucesso"
óleo, carvão e spray sobre tela  100cm x 150cm   2012



 Tenha um dia de sorte"
óleo e carvão sobre tela  130cm x 100cm 2012
coleção particular




Dança do fogo"
tinta óleo, carvão e spray sobre tela  150cm x 100cm 2012


  
"Obstáculos"


"Obstáculos"



 Mostra Rua: Espaço Grátis
Black Tape”. Instalação gráfica em parede de vidro realizada na mostra coletiva Rua:Espaço Grátis, no Sesc Pinheiros, São Paulo. O desenho foi feito em fita isolante . partir de um ponto de visão pré-determinado, em um lugar específico da sala o desenho se “encaixa” com a paisagem de fundo. 10 x 4 m. Ano 2005.




Série de Serigrafias 2010

Série de serigrafias em tamanho 33cm x 45cm em papel 180g com número variável de cores







  



 



  











Instalação Fiat Stilo

Instalação realizada a convite de um dos patrocinadores do São Paulo Fashion Week 2007. 
































 































































































































































Sem comentários:

Enviar um comentário