8 de abril de 2012

H.MOURATO - PINTURA /ESCULTURA










H. Mourato, pintor, escultor, desenhador e gravador, nasceu em Santiago do Cacém a 10 de Maio de 1947.
Comendador da Ordem de São Miguel de Ala.
Começou a pintar em Almada, começando na mesma altura a frequentar o Atelier da Costa da Caparica de Manuel Cargaleiro, assim como o atelier de Artur Bual na Amadora realizou a sua primeira exposição em 1967 em Almada.
Tem o Curso de Gravura na Cooperativa Nacional de Gravadores, tem exposto individual e colectivamente desde 1967, contando no seu curriculum com inúmeras exposições. Tem exposto internacionalmente na Itália, França, Espanha, Alemanha, Reino-Unido, Polónia, Japão e Brasil
entre outros.
Conta com alguns prémios e menções honrosas.
Esta representado em museus tais como: Museu de Arte Contemporânea – Sabugal; Museu Francisco Tavares Proença Júnior; Museu Municipal Santiago do Cacém; Museu Municipal Portalegre; Museu Municipal Escultor Martins Correia; Museu Biblioteca Marquês de Pombal; Museu Municipal Manuel Cabanas; Museu Angra do Heroísmo – Açores; Graceland – Elvis Museum (Memphis – U.S.A).
Assim como em Organismos Públicos como: Fundação Mário Soares – Lisboa; Governo Regional dos Açores; Consulado
Português na Praia - Cabo Verde; Universidade dos Açores - Sala de Estudos Nemesianos; Casa Fernando Pessoa – Lisboa; Escola Superior de Dança – Lisboa; Biblioteca Municipal Camões – Lisboa; Biblioteca Municipal David Mourão - Ferreira – Lisboa; Biblioteca Municipal de Santiago do Cacém; Biblioteca Fórum Romeu Correia – Almada; Associação Agostinho da Silva – Lisboa; Associação de Escritores Portugueses – Lisboa; Associação Cultural Encontros da Eira – Madeira; Associação 25 de Abril – Lisboa e Pinacoteca do
Ayuntamiento de Ciudad Rodrigo – Espanha.
Ao longo deste 40 anos de carreira artística ilustrou mais de 200 capas e livros.  Foi e é Ilustrador e Colaborador de muitos vários jornais e revistas nacionais e estrangeiros e ainda jornais on-line e blogs.
Autor de cenários para peças de teatro e bailados, tendo feito um cenário para a Escola Superior de Dança, apresentar na Expo 98.
É autor de uma dezena de esculturas ao Ar livre na região de Coimbra e de painéis de azulejos públicos espalhados pelo nosso país.
Vem representado em inúmeros livros e dicionários de Arte Plásticas quer nacionais quer estrangeiros.
Em 2006 foi-lhe atribuído o título de Comendador Patrono dos Museus do Vaticano, pelos serviços prestados a Cultura.
Em 2008 foi atribuído o título de Comendador da Real Irmandade de São Miguel de Ala, pelas e actividades humanitárias que tem realizado ao longo de décadas.
Conta ainda com os títulos de Barão de Santiago do Cacém, Cavaleiro Honorário da Real Irmandade de São Miguel de Ala; Cavaleiro da Imperial Ordem da Estrela de Honra do Império da Etiópia.







Sol perdido
já perdi o astro
que me guiava na vida
agora estou morto
sou uma alma esquecida
à procura do meu sol
joaquim evónio
08.04.04
 
 
H. Mourato começa por ser um grande Homem.
Dotado de forte personalidade, inabaláveis convicções, indefectível verticalidade e notável independência de espírito e livre pensamento, isso já seria suficiente para não concitar unanimidade à sua volta.
H. Mourato é também um grande Artista.
Versátil, multifacetado, original, criativo e enérgico, isso bastaria, no país de capelas e compadrios em que vivemos, para que também não suscitasse o melhor acolhimento no seio da comunidade artística, se é que se pode dizer que ela existe como tal entre nós.
Desta unicidade entre homem e artista decorre, obviamente, que nunca tomaria qualquer atitude de subserviência perante os "donos da comunicação social".  Não admira, pois, que seja ignorado.
Sendo apreciador de arte e estando ligado ao meio literário, já ouvira falar no seu nome, principalmente como autor de centenas de capas para livros.
Só tive prazer de o conhecer pessoalmente, no entanto, há pouco mais de três anos, numa exposição de pintura organizada pela Associação Escadote Cultural.
A partir daí se aprofundou o nosso conhecimento mútuo e nasceu uma amizade franca e sólida, extensiva a ambas as nossas famílias.
Não sendo crítico da especialidade mas pretendendo repor alguma justiça através da sua presença nesta modesta página pessoal, recorro, com a devida vénia, à inserção de textos de pessoas mais abalizadas que se pronunciaram sobre a sua vida e a sua obra.
JOAQUIM EVÓNIO
 
 
 
 
URBANIZAÇÃO
 
 
 
 
PRINCIPIO DO FIM
 
 
 
 
 
POLUIÇÃO ESPIRITUAL
 
 
 
 
 
TOURADA
 
 
 
 
 
DEPOIS DE UM DIA DIFICIL
 
 
 
 
 
H. Mourato visto por
Henrique Tigo
 
H. Mourato é livre de pintar como o universo o é em se oferecer, pintar para ele é dar vida às várias formas da forma.
Pintar é estar vivo.
Pintar é comer. 
Pintar é poder sentir.
Pintar é querer ver.
Pintar é partilhar...

H. Mourato reúne a sabedoria e as virtudes do racional ao Dom da Magia.
 
 
 
 










Bailarina-Serigrafia






PASSARO SERIGRAFIA 25X32






GATO SERIGRAFIA 25X32


















Os artistas plásticos H. Mourato e Henrique Tigo, com raízes em Vila Nova do Ceira, vão expor trabalhos seus em Graceland, casa do lendário Elvis Presley, Rei do Rock'n'Roll, aquando do Elvis 19th Annual Art Contest and Exhibit Week 2003, como artistas convidados para representar Portugal. Já o ano passado, Henrique Tigo e o seu pai H. Mourato foram convidados para participar na mesma exposição e este ano o convite repetiu-se e segundo disseram, "É com muito orgulho que aceitamos este honroso convite", para terem mais uma vez trabalhos seus expostos em Graceland, Casa Museu de Elvis Presley, visitada por ano por mais de 700 milhões de fãs.

A exposição decorre de 8 a 13 de Agosto de 2003.




Mirante da Pontinha
foi em tempos o Restaurante particular de El Rei Dom Carlos I





Al Mutamid - Escritor Mouro





Almada Negreiros - O mestre dos mestres




Cidade pintado em 1968






Vinda para Lisboa





cabaret





Barcos





Uivando ao Luar






















David Mourão Ferreira























MUSEUS
Museu de Arte Contemporânea – Sabugal
Museu Francisco Tavares Proença Júnior
Museu Municipal Santiago do Cacém
Museu Municipal Portalegre
Museu Municipal Escultor Martins Correia
Museu Biblioteca Marquês de Pombal
Museu Municipal Manuel Cabanas
Museu Angra do Heroísmo – Açores


ORGANISMOS OFICIAIS
Fundação Mário Soares – Lisboa
Governo Regional dos Açores
Consulado Português na Praia - Cabo Verde
Universidade dos Açores - Sala de Estudos Nemesianos
Casa Fernando Pessoa – Lisboa
Escola Superior de Dança – Lisboa
Biblioteca Municipal Camões – Lisboa
Biblioteca Municipal David Mourão Ferreira – Lisboa
Biblioteca Municipal de Santiago do Cacém
Biblioteca Fórum Romeu Correia – Almada
Pinacoteca do Ayuntamiento de Ciudad Rodrigo – Espanha
Associação Agostinho da Silva – Lisboa
Associação de Escritores Portugueses – Lisboa
Associação 25 de Abril – Lisboa
Associação Cultural Encontros da Eira - Madeira








Inserida no Programa de Peregrinação à “Terra de Santa Maria”, o Mosteiro de Alcobaça recebe, no dia 29 de Setembro, pelas 12h 45, a exposição de pintura de Mestre H. Mourato e Henrique Tigo. Com o patrocínio da Casa Real Portuguesa, os Pintores e Cavaleiros da Real Ordem de São Miguel de Ala, irão participar numa exposição “História da Ordem de São Miguel e a sua presença em Alcobaça” com algumas telas alusivas e esse evento. A exposição será inaugurada com a presença do presidente da Câmara Municipal de Alcobaça, José Gonçalves Sapinho, do director do Mosteiro, Rui Rasquilho e S.M.R Dom Duarte Pio de Bragança.
     A iniciativa decorre no 860º Aniversario da fundação da Real Ordem de São Miguel de Ala: 1147-2007, 760º Aniversário do Santíssimo Milagres de Santarém: 1247 – 2007 e 75º Aniversario da Morte de S.M. El Rei D. Manuel II: 1932 – 2007. Os ilustres artistas participam com obras como: D. Afonso de Henriques e a batalha de Alcobaça, São Miguel de Ala e ainda retratos de S.M El Rei D. Carlos I entre outros.
    Estes artistas estão ligados á Casa Real Portuguesa pois são Cavaleiro da Imperial Ordem da Estrela do Império da Etiópia, Cavaleiro Honorário da Real Irmandade de São Miguel de Ala, Cavaleiro Honorário do Ordem Real do Leão do Ruanda, Comendadores Patronos do Museu do Vaticano. Mestre H. Mourato é também Barão de Santiago do Cacém e Henrique Tigo Barão de Alfornelos.





campones de H Mourato







1972 - EXTERNATO FREI LUIS DE SOUSA - ALMADA
1974 - GALERIA OPINIÃO - LISBOA
1975 - GALERIA QUADRANTE - LISBOA
1975 - GALERIA ABEL SALAZAR - PORTO
1976 - GALERIA IBERLIVRO - LISBOA
1977 - MUSEU DE ANGRA DO HEROISMO - AÇORES
1977 - LIVRARIA STº. ANTÓNIO - LISBOA
1979 - GALERIA DE ARTE MODERNA DA S.N.B.A - LISBOA
1980 - GALERIA O PAÍS - LISBOA
1981 - SOCIEDADE DE LINGUA PORTUGUESA - LISBOA
1981 - SALA DE ARTE DO ESCOURIAL - LISBOA
1982 - GALERIA O PAÍS - LISBOA
SOCIEDADE DA LINGUA PORTUGUESA - LISBOA
1983 - GALERIA DIÁRIO DE NOTICIAS - LISBOA
MUSEU FRANCISCO PROENÇA JÚNIOR - CASTELO BRANCO
1984 - ESPAÇO DE ARTE  MATA BICHO -LISBOA
1985 - GALERIA LIBRIS - LISBOA
MUSEU MUNICIPAL SANTIAGO DO CACÉM
GALERIA FONTE NOVA - LISBOA
1986 - CASA ALENTEJO - TORONTO - CANADÁ
1987 - GALERIA PAULINO FERREIRA - LISBOA
1988 - GALERIA FONTE NOVA - LISBOA
1989 - SALA ALBERTO D´CASTRO - CASA ALENTEJO -TORONTO
COOPERATIVA S.A.P - VILA NOVA DO CEIRA
1993 - GALERIA ATRIUM E SALÃO NOBRE
1995 - MUSEU MUNICIPAL SANTIAGO DO CACÉM
1998 - MUSEU REPÚBLICA E RESISTÊNCIA - LISBOA
GALERIA MUNICIPAL ARTUR BUAL - AMADORA
1999 - BIBLIOTECA MUNICIPAL LIVRO DE AUTOR - SANTIAGO DO CACÉM
2000 - GALERIA MUNICIPAL GYMNÁSIO - LISBOA
GALERIA DO TEATRO PASSAGEM DE NIVEL - AMADORA
2001 - GALERIA MUNICIPAL DE FITARES- 35 ANOS DE CARREIRA -SINTRA
CENTRO CULTURAL NAZARÉ
CASA DE CULTURA DE SANTA CRUZ - MADEIRA
2002 - GALERIA DA SEGURANÇA NACIONAL - PORTALEGRE
CENTRO CULTURAL DE BELÉM - LISBOA
2003 - GALERIA DA JUNTA FREGUESIA DA PONTINHA - LISBOA













http://h-mourato.planetaclix.pt


hmourato47@gmail.com


H. MOURATO TEM UMA INVEJÁVEL CARREIRA COMO ESCULTOR, FAVOR VER AS SUAS OBRAS ATRAVÉS DO SITE.





Convite
Tenho o prazer de convidar para da minha Exposição de escultura.
É inaugurada (hoje) dia 2 de Agosto pelas 17h00, na Biblioteca Municipal Miguel Torga de Miranda do Corvo, a exposição de escultura da autoria de H. Mourato, intitulada “Pequenos formatos








































 
 
 
 
 


 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 
 
 

Sem comentários:

Enviar um comentário